Search
  • Betina Vargas C & T

Como atingir resultados extraordinários

Updated: Jun 5, 2018

Você quer mudar, quer melhorar, quer alcançar o próximo nível... mas critica quem o faz e, ao mesmo tempo, continua no mesmo lugar? O primeiro passo é trazer à consciência que, fazendo o mesmo e fazendo o ordinário, você tende a colher resultados medíocres.

A sua situação atual é, muito provavelmente, o resultado das suas ações no passado. Se você esta numa situação ok - em que os outros talvez achem que você tem tudo, mas você se sente desmotivado e sabe que não esta crescendo - é muito provável que você tenha feito escolhas seguras e “confortáveis”, no seu passado.

Ninguém aqui esta dizendo que você não trabalhou duro, não se esforçou, que talvez até aquela situação segura tomou de você muito tempo e exigiu muita dedicação. O problema é que, recebemos, em muitos casos, uma educação voltada ao esforço, mas vivemos em uma sociedade onde quase todos “se esforçam” e poucos são felizes.

Fomos educados por pais que tinham poucas escolhas e eram exigidos horas extensas e rígidas de trabalho, mas, o mundo em que vivemos hoje, por outro lado, é cheio de escolhas e valoriza tanto aqueles que são flexíveis, quanto os que se atualizam e mudam constantemente.

Talvez poderíamos até afirmar que a geração dos nossos pais sacrificou seu tempo e o “sacrifício” na nossa geração seja a comodidade - ou seja, sentir-se confortável nos dias de hoje, talvez seja o mesmo que ser desocupado para a geração dos nossos pais. Você já se deu conta disso?

Claro que, com sofrimento, não existe crescimento, evolução. Isso porque, nosso cérebro busca o prazer e foge da dor. Então o que fazer?

Hoje em dia, temos muita informação ao nosso alcance e sabemos que, apesar da técnica ser importante, a estratégia é mais. Eu sugiro que você vá atrás, até encontrar, de uma estratégia de vida/trabalho que vá ajuda-lo a se arriscar, se expor, a sair da sua zona de conforto, mas que prometa como resultado, aquilo que você busca. No processo, é importante substituir as expectativas pela gratidão e, também, comemorar as pequenas vitórias.

Além de ter o seu objetivo como fonte de inspiração, não se esqueça: sentir alegria e expectativa pelo futuro, custa o mesmo preço que caminhar cabisbaixo.



Betina Vargas